Ligue agora

Como cuidar da saúde do seu coração

Saiba quais hábitos e exames podem fazer toda a diferença pro seu amigo do peito

O Dia Mundial do Coração está se aproximando (29 de setembro) e governos e instituições de saúde do mundo todo se manifestam, durante todo o mês, para informar sobre as doenças cardiovasculares, que são a principal causa de morte no mundo.

Segundo a OMS – Organização Mundial da Saúde, mais de 18 milhões de pessoas morrem todos os anos em decorrência de doenças cardiovasculares. Assustador, né?
Por isso, vamos te ajudar a saber mais sobre o assunto ecomo cuidar da saúde do seu coração.

O QUE SÃO DOENÇAS CARDIOVASCULARES?

São as doenças que afetam o aparelho cardiovascular, mais especificamente o coração e os vasos sanguíneos. Entre elas:
- Infarto do miocárdio
- Angina
- Arritmia
- Acidente Vascular Cerebral (AVC)
- Doença Vascular Periférica
- Doença cardíaca congênita
- Insuficiência cardíaca
- Trombose Venosa Profunda
- Aneurisma da Aorta

QUAIS SÃO OS FATORES DE RISCO?
Quase todas as doenças cardiovasculares são provocadas por aterosclerose, ou seja, pelo depósito deplacas de gordura e cálcio no interior das artérias que dificultam a circulação sanguínea nos órgãos e podem mesmo chegar a impedi-la.

Isso geralmente acontece por uma combinação de fatores de risco como: tabagismo, diabetes, hipertensão arterial, obesidade, sedentarismo, níveis alterados de colesterol e triglicérides, estresse, depressão, ansiedade, fatores hereditários e idade.

COMO PREVENIR?
É possível evitar a maior parte das doenças do coração adotando hábitos de vida saudáveis e controlando os fatores de risco. Por isso, essa é a melhor receita para manter a saúde do coração:
- Não fume.
- Não beba álcool em excesso.
- Exercite-se regularmente.
- Mantenha o peso corporal ideal para sua altura.
- Mantenha uma alimentação equilibrada, com pouco sal e gordura.
- Cuide da saúde emocional, controlando o estresse, a ansiedade e buscando fazer coisas que gosta e estar com quem ama.
- Faça check-ups médicos regulares, mantendo seus exames em dia.
- Se tiver doenças e problemas já diagnosticados, como diabetes, pressão alta e níveis de colesterol e triglicérides alterados, faça o controle conforme orientação médica.

QUAIS EXAMES SÃO IMPORTANTES PARA PREVENIR OU DIAGNOSTICAR DOENÇAS CARDÍACAS?
A avaliação cardíaca regular pode retardar e até mesmo evitar a ocorrência de doenças do coração. O check-up cardiovascular é recomendado para homens a partir dos 45 anos e mulheres na pós-menopausa. Mas algumas situações podem antecipar a ida ao cardiologista, como:
- Histórico de familiares que tiveram infarto ou morte súbita.
- Doença cardíaca na infância.
- Hipertensão arterial.
- Obesidade.
- Diabetes.
- Colesterol e triglicerídeos elevados.
- Tabagismo.
- Quando for praticar um novo esporte, caso seja sedentário ou pratique atividades físicas de baixa intensidade.

Conheça os exames mais comuns:
• Eletrocardiograma
Avalia o ritmo cardíaco e é feito com o paciente deitado, colocando-se cabos e pequenos contatos metálicos sobre a pele do tórax. Ele detecta arritmias ou batimentos irregulares do coração, avalia alterações sugestivas de infarto novo ou antigo e sugere alterações hidroeletrolíticas, como diminuição ou aumento de potássio no sangue.

• Teste ergométrico(prova de esforço)
Permite avaliar o funcionamento do coração durante o esforço físico, detectando presença de dor no peito, falta de ar ou arritmias, que podem indicar risco para infarto ou insuficiência do coração. Pode ser feito na esteira ou bicicleta ergométrica.

• Ecocardiograma
É um exame de ultrassom que fornece informações sobre a estrutura do coração: tamanho das câmaras e do músculo, válvulas com defeito, etc. Ele ajuda a avaliar a funcionalidade do coração, detectando insuficiência cardíaca, sopros cardíacos, alterações do formato do coração e dos vasos, além de poder detectar a presença de tumores dentro do coração.

• Raio-x do Tórax
Verifica a região ao redor do coração, identificando qualquer alteração de artérias que chegam ou que saem do coração, por exemplo.

• Colesterol Total e Frações
Mede a quantidade dessa molécula e de seus subtipos na circulação. Uma pequena amostra de sangue é retirada e avaliada no laboratório. Os resultados são divididos em medidas como:
- Colesterol total
- HDL
- LDL
- VLDL

O ideal é que o colesterol total fique abaixo de 190 mg/dl.
O mesmo teste de sangue também pode avaliar a concentração de triglicérides, um tipo de gordura, no organismo. O ideal é que os níveis estejam abaixo de 150 mg/dl.

• Glicemia de Jejum
A partir de uma pequena amostra de sangue, é verificada a quantidade de açúcar no sangue, sendo o principal exame realizado para diagnosticar a diabetes.
Faz também a monitorização do tratamento do diabetes, juntamente com o exame de hemoglobina glicada.
A glicemia não deve passar de 100mg/dl em jejum de oito horas.

• Aferição da Pressão Arterial
A pressão alta é um dos principais fatores de risco para a ocorrência de doenças cardiovasculares e, muitas vezes, demora para ser detectada.
Portanto, pessoas acima de 20 anos de idade devem medir a pressão ao menos uma vez por ano. Se houver casos de pessoas com pressão alta na família, deve-se medir no mínimo duas vezes por ano.
A aferição da pressãoé feita em consulta clínica, no próprio consultório do seu médico. A hipertensão arterial é diagnosticada quando os valores das pressões máxima e mínima são iguais ou ultrapassam os 140/90 mmHg (14 por 9).

• Marcadores Cardíacos

Existem alguns exames de sangue que podem ser realizados para avaliar o coração, como Troponina, Mioglobina e CPK, por exemplo, que são marcadores musculares que podem ser usados na avaliação de infarto agudo do miocárdio.

CPK
A CPK (creatinofosfoquinase) é uma enzima encontrada em concentrações relativamente altas nos tecidos do coração, músculo esquelético e cérebro. O exame de CPK serve principalmente para diagnosticar lesões e doenças da musculatura esquelética, além de infarto agudo do miocárdio?.

Troponina
Troponinas são uma família de proteínas encontradas nas fibras musculares esqueléticas e cardíacas. Os três tipos diferentes de troponina controlam a contração muscular e, quando há lesão do músculo cardíaco, são liberadas na circulação em quantidade proporcional à extensão da lesão.

Mioglobina
A Mioglobina é uma proteína que está presente no músculo cardíaco e nos outros músculos do corpo, fornecendo o oxigênio necessário para a contração muscular. Normalmente não está presente no sangue, só sendo liberada quando há uma lesão em algum músculo. O exame de mioglobina avalia justamente a quantidade desta substância no sangue, revelando a lesão ou não.

Faça os exames no período indicado pelo médico, especialmente se apresentar algum problema no coração.
E nunca deixe para procurar orientação médica apenas quando sentir sintomas. Muitos problemas podem ser silenciosos, como a hipertensão, o colesterol e o diabetes, e causar danos a longo prazo.

Promete cuidar bem do seu amigo do peito? ?

Matriz
Av. Nove de Julho, 1451
Tel: (16) 3515-4500 - (16) 3516-4500
WhatsApp: (16) 9 9159-7247
2ª a 6ª, das 6h às 18h30 | Sábado, das 6h às 13h
Behring / Nucleus
Av. Nove de Julho, 1410
Tel: (16) 3516-0100
2ª a 6ª, das 7h às 17h | Sábado, das 7h às 12h
Centro Médico RibeirãoShopping
Av. Cel. Fernando F. Leite, 1540 - sala​s​ 24 e 25
Tel: (16) 3515-4550
2ª a 6ª, das 7h às 20h | Sábado, das 7h às 16h
Responsável Técnico: Dra. Maria das Graças Elias de Assis - CRF 8713-SP
Laboratorio Behring de Analises Clinicas Ltda.